06 setembro 2007

Embrace



Encosta-te a mim,
E deixa-me abraçar-te
Como se não existisse Eu nem Tu
Porque só existe Nós.

E com o acordar do Outono,
Despimos as folhas dos medos e tristezas
Acordando a essência dos corpos e da Alma
Sendo os dois Um, em Amor.

1 comentário:

ArtisAna disse...

Olá amiga! Td bem? Espero q sim. Já há algum tempo q não te visitava, mas vejo q tens andado mt ocupada... e mto bem ocupada... mas q inveja (no bom sentido). O meu verão foi mto parado :( culpa minha é certo. Mas olha por enqto continuo desempregada, ainda não fui colocada e ando ansiosa à espera das ciclicas... fiz a feira da cuba, como te disse, e ate correu bem... mas olha mtas saudadinhas da escola e o pensar q posso não conseguir ja me está a deixar um pouco stressada, o q vai ajudando é a biju, por isso convido-te a visitares as minhas novidades. Um beijinho grande e parabéns pelo blog, está lindo!!!