05 fevereiro 2008

My Love's Poem...

O meu amor ofereceu-me este poema...

Bem me parecia
que sem saber de nada
sentia e sinto no ar a voar
como que uma fada a deslizar!...

Vês! Estes versos têm degraus
os de cima, pr`a subir aos céus...
mas com a fada por perto, d`meus
passos... irão ter novos rumos...
por certo!...
Qui ça em rotas de rumos de remos
a remar... rabiscos, versos de tanto amar!...

Eu procuro, procuro e não encontro
mas sinto à minha volta
a tal fada!... ainda à pouco poucochinho em meu ouvido zumbiu... estou aqui tão pertinho, pchiuuu!...

Vou ter com ela pr`à tocar, falar perguntar, porque se foi tão
de repente!?!...
Pedir-lhe, anda de volta pr`à gente!...
Mas na casa ela está! anda por lá!... Nunca mais li seus rabiscos...
mas sei que os terei em intuição e com a ajuda da fada madrinha... Deveras! será como que numa primeira versão!...

Sem comentários: